quinta-feira

sem título


foto do google.

A doçura.
não-segurar
uma
energia opressora,
ora,
um não-aguentar.

Assim:
sentenças
deslizando
via-fone, a censura
a insensatez

Do outro lado
um silêncio
desses, consenso
um não-segurar
sentregando,
simplesmente.

3 comentários:

Lu Marra disse...

Juuuu... um dia belodia você escreve um texto intitulado culinária espontânea??? Hem, hem, hem?? (antes que eu o roube, né hehehe). B-gim tônico.

gus vinagre disse...

adorei

Gustavo Veiga disse...

É, realmente a tua poesia está transcendendo. Poemoçao. Lindo. PS: é sempre um prazer reencontrá-la.