sexta-feira


Marc Chagall. Above the town, 1915.

Estávamos em umas ruínas. Eram ilhas.

- bem, podemos ir embora agora?
- bem, podemos ir.

Vestimos nossos chapéus e nos olhamos. Preparados agora. Irmos.

- mas precisa ser agora? Quer dizer, agora?
- bem, agora.

Nessas horas dói. Mas é preciso.
Dói. Mas é preciso.
Dói. Mas é preciso.


Eles não se olhariam mais. Seria. Vestiram seus chapéus. E nos olhamos.

Nenhum comentário: