domingo


Francis Picabia, Cinq Femmes, 1942.

3 coisas que ela descobriu sobre ela essa semana. Esse mês. Esse mês severo.

1. Completamente desajeitada. Com as palavras. Com o tom que emprega nas palavras. Aí pensou que, talvez, se fosse menos desajeitada, o mês passado não teria sido tão severo.

2. Nisso daí, de desajeito com as palavras, ela descobriu que está falando muito o que não deve. Independente de ser de forma desajeitada ou não. Ela devia aprender a calar a boca. Então anotou na agenda como promessa de virada de ano: calar a boca.

3. Ela é insuportável e se acha melhor que todo mundo; ela não sabe bem o que quer; ela não acredita no próprio taco – apesar de conseguir fazer todos acreditarem que ela confia; ela é extremamente obsessiva e não tem um só dia que não pense ‘sua gorda nojenta, baleia enorme’ ou que não pense em comprar algum sapato ou que não pense naquelas músicas que ouviam juntos; ela está tentando descobrir o jeito de levar tudo às últimas conseqüências.

4. São necessários, por dia, 15 minutos de choro. Berreiro, convulso.

Nenhum comentário: