quinta-feira

um sonho no meio




sonhei que fui viajar para escrever meu livro
fui viajar para o interior da Bahia, mas essa era apenas uma parte
do caminho
do interior da Bahia, numa festa de São João fora de época
janelas basculantes, fumaça de fogueira
dava pra ver as dunas da Joaquina, o sol se pondo
pergunto: “a gente ainda vai para Florianópolis?”
alguém responde sim

fico triste e ansiosa porque ainda vai demorar para chegar no meu destino
meu destino àquela altura nem lembro mais se era a Bahia
mas eu via as dunas da Joaquina e um sol se pondo
do quintal do interior baiano, onde já era noite

estava hospedada na casa de uma senhora da alta sociedade
do interior baiano, a casa dela era muito simples
sim o chão era de barro (um interior com cara de interior)
mas ela usava joias e um tailleur
e dizia que receber artistas que precisavam de tempo para criar
ou escritores que precisavam de tempo para escrever
era tradição da casa há muito tempo

ia ficar quinze dias por lá
mandei um sms pra minha mãe avisando
e disse que não avisei antes para não preocupá-la
tudo estava sob controle mas eu também havia esquecido
de avisar aqui no trampo
quinze dias fora eu tinha medo
de ser mandada embora

não lembro mais muitos detalhes
sei que tinha uma amiga comigo
mas ela desaparecia e aparecia

foi sim um sonho muito esquisito
e eu gostaria de assisti-lo
até que acordei de bom humor

mas agora estou meio pra baixo



Nenhum comentário: